segunda-feira, 29 de setembro de 2014

Quadras Populares - "O Emigrante"

Veio uma carta de longe
Dum amigo de Bragança
Que fugiu daqui a salto
E hoje vive na França


Diz que trabalha na “chaine”
Como uma besta de carga
E que não foi de vontade
Que deixou a pátria amada

Mandou o filho à escola
Onde só fala francês
Quando as saudades apertam
Diz que vai voltar de vez

Mas sabe que o desemprego
É um inimigo real
E assim se vai conformando
Longe da terra natal

O emigra erga a mola
Num país que não é seu
Produz fortunas alheias
Com as mãos que Deus lhe deu


Foto: Zeca em Azeitão - de Inácio Ludgero

Sem comentários:

Publicar um comentário